Notícias Edital oferece 180 vagas para pós-graduação profissional de enfermeiros
CAPES/Cofen

Edital oferece 180 vagas para pós-graduação profissional de enfermeiros

Publicado: Terça, 03 Dezembro 2019 14:53 , Última Atualização: Quarta, 04 Dezembro 2019 09:35

A CAPES publicou nesta terça-feira, 03, o edital nº 28 de 2019 no âmbito do acordo com o Conselho Federal de Enfermagem (Cofen). Serão investidos R$ 4,8 milhões para o apoio a Programas de Pós-Graduação (PPGs) profissionais em Enfermagem, distribuídos em 180 vagas. O acordo tem como focos a Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE) e a Gestão em Enfermagem.

Além de formar profissionais fora dos centros já consolidados de ensino e pesquisa e qualificar recursos humanos altamente especializados, entre os objetivos do CAPES/Cofen estão contribuir para o desenvolvimento, o fortalecimento e a ampliação de programas de pós-graduação stricto sensu e promover a cooperação acadêmica e o desenvolvimento de pesquisa científica e tecnológica.

O edital prevê duas modalidades: uma de apoio a programas que possuam cursos permanentes de mestrado profissional em Enfermagem e outra, de cooperação entre instituições para qualificação de profissionais de nível superior, que apresentem projetos de turmas temporárias de mestrado ou de doutorado profissional, envolvendo uma instituição promotora e uma receptora.

As inscrições deverão ser feitas pelos coordenadores proponentes até às 16h do dia 21 de fevereiro de 2020 na página (https://inscricao.capes.gov.br/individual). O resultado preliminar será divulgado a partir de 06 de março de 2020.

Entenda as modalidades e a distribuição dos recursos:
Projeto de Apoio à PPG com curso de Mestrado Profissional em Enfermagem (PROAP-ENF): refere-se às turmas de mestrado profissional, com nota 3 ou superior, na Avaliação Quadrienal de 2017 da CAPES, em instituições de ensino superior (IES), públicas ou privadas, que já promovem seu programa de pós-graduação.

Projeto de Cooperação entre Instituições para Qualificação de Profissionais de Nível Superior (PCI): terá o curso promovido, gerido e coordenado por uma instituição que já possua o programa de pós-graduação, com nota 4 ou superior na avaliação da CAPES. Neste caso, as aulas serão ministradas numa instituição receptora, que garantirá a infraestrutura e o apoio administrativo. Esta modalidade será prioridade no Programa.

Do investimento total, R$ 3 milhões são provenientes do PROAP-ENF, com valor máximo de R$ 250 mil por projeto. Para os PCI será destinado R$ 1,8 milhão, com valor máximo de R$ 300 mil por projeto.

(Brasília – Redação CCS/CAPES)
A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura CCS/CAPES

Compartilhe o que você leu