Notícias Pluralidade de pensamento é defendida por Benedito Aguiar
FORMAÇÃO

Pluralidade de pensamento é defendida por Benedito Aguiar

Publicado: Quarta, 29 Janeiro 2020 17:32 , Última Atualização: Quinta, 06 Fevereiro 2020 10:36

Para o presidente da CAPES, Benedito Aguiar, a pós-graduação brasileira deve fomentar a pluralidade de pensamento na universidade para desenvolver a consciência crítica dos alunos. “Sem liberdade de cátedra, não há nem a criatividade intelectual, nem as soluções dos problemas nacionais”, disse.

Engenheiro elétrico com mestrado pela Universidade Federal da Paraíba e doutorado pela Universidade de Berlim, ele defende a pesquisa de qualidade, com objetivos definidos, que contribua para a solução dos grandes problemas nacionais.

Do seu ponto de vista, a CAPES desempenha um papel fundamental na valorização da ciência no país, bem como na consolidação dos programas de pós-graduação em relação à formação de professores, cientistas e profissionais para o mundo do trabalho. “O fomento à apropriação e ao desenvolvimento do conhecimento científico e tecnológico para soluções de problemas nacionais serão prioridades em minha gestão”, afirmou.

Com 68 anos de história, a CAPES financia linhas de pesquisa distribuídas em 49 áreas do conhecimento e mantém, aproximadamente, 200 mil bolsas. Seu orçamento em 2019, primeiro ano do governo Jair Bolsonaro, foi de R$ 4,2 bilhões, valor superior ao de 2018. Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a agência tem importante papel na pesquisa científica do País.

Na formação de professores da educação básica, principal foco da atual gestão do MEC, encontram-se cerca de 100 mil bolsistas, além de milhares de estudantes atendidos por meio do Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB). Outras variadas plataformas educacionais apoiam os professores no processo de ensino e aprendizagem. Na pós-graduação, são 95,4 mil bolsas de mestrado, doutorado e pós-doutorado no Brasil e 8,7 mil no exterior. A CAPES apoia mais de 800 eventos por ano.

Destaque da Coordenação, o Portal de Periódicos oferece 45 mil títulos para consultas de estudantes de mais de 400 instituições de ensino superior. São quase 170 milhões de acessos ao ano.

O investimento em diferentes áreas da pesquisa científica, somado a uma rigorosa avaliação dos cursos, fez da CAPES a mais importante agência brasileira de fomento à formação de recursos humanos. Tornou-a uma referência mundial, com mais de 70 acordos de cooperação internacional em vigência. “O número de ações e o tamanho do orçamento mostram o relevante papel da CAPES no sistema educacional brasileiro e sua importância para o desenvolvimento do país”, ressalta Benedito Aguiar.

(Brasília – Redação CCS/CAPES)
A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura CCS/CAPES

Compartilhe o que você leu