Notícias CAPES apoia premiação a trabalhos sobre Alimentação
Prêmio

CAPES apoia premiação a trabalhos sobre Alimentação

Publicado: Sexta, 02 Agosto 2019 09:14 , Última Atualização: Sexta, 02 Agosto 2019 09:17

Trabalhos sobre Alimentação podem receber até R$250 mil, no 19º Prêmio Péter Murányi 2019 - C&T. A iniciativa tem o apoio da CAPES e vai oferecer R$ 200 mil ao projeto vencedor, além de R$30 mil e R$20 mil aos segundo e terceiro colocados.

As inscrições, gratuitas, vão até 31 de agosto e podem ser feitas pelo site www.fundacaopetermuranyi.org.br. Ali também se pode conhecer o edital com detalhes sobre a premiação.

Promovido pela Fundação Péter Murányi, a premiação permite a concorrência de qualquer pessoa, organização não governamental (ONG), empresa ou instituição de ensino estabelecida no Brasil. Porém, para se candidatar, os trabalhos precisam ser recomendados por uma instituição cadastrada na Fundação, além de atender a três critérios fundamentais: inovação, aplicabilidade prática e impacto positivo para as populações de regiões em desenvolvimento.

Os finalistas serão divulgados no primeiro trimestre de 2020 e os vencedores receberão o prêmio em abril de 2020.

Fundação Péter Murányi
Criada em 1999, a Fundação tem o objetivo de reconhecer e premiar trabalhos que, de forma inovadora, melhorem a qualidade de vida das populações em desenvolvimento. Já foram entregues 19 prêmios anuais, alternados, nas áreas de Saúde, Ciência & Tecnologia, Alimentação e Educação. Desde a sua primeira edição, em 2002, já foram investidos R$2,9 milhões e avaliados 1.580 trabalhos.

Além da CAPES, o Prêmio tem o apoio das seguintes instituições: Academia Brasileira de Ciências (ABC), Associação dos Cônsules no Brasil(Aconbras), Academia de Ciências do Estado de São Paulo(Aciesp), Associação Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento das Empresas Inovadoras(Anpei), Centro de Integração Empresa-Escola(CIEE), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico(CNPq), Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo(Fapesp) e Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC).

(Brasília – Redação CCS/CAPES)
A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura CCS/CAPES

Compartilhe o que você leu