Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Sala de Imprensa > Notícias > Cerimônia consagra melhores trabalhos sobre sustentabilidade no país
Início do conteúdo da página
Prêmio Vale-Capes

Cerimônia consagra melhores trabalhos sobre sustentabilidade no país

Publicado: Sexta, 30 Setembro 2016 12:22 | Última Atualização: Quarta, 19 Outubro 2016 14:42

Os melhores trabalhos de mestrado e doutorado na área de sustentabilidade defendidos no Brasil em 2014 foram agraciados, nesta quinta-feira, 29, com o Prêmio Vale-Capes de Ciência e Sustentabilidade 2015. A solenidade aconteceu na sede da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), em Brasília.

Foram selecionadas sete teses de doutorado e dissertações de mestrado. Os trabalhos premiados dividem-se nos grupos "Processos eficientes para redução do consumo de água e de energia"; "Aproveitamento, reaproveitamento e reciclagem de resíduos e/ou rejeitos"; "Redução de Gases do efeito estufa (GEE)"; e "Tecnologias socioambientais, com ênfase no combate à pobreza".

29092016 premio vale capes img 1653
O presidente da Capes acredita que a premiação é um passo importante na cooperação entre universidades e setor produtivo (Foto: Natália Morato - CCS/Capes)
 

O presidente da Capes, Abilio Baeta Neves, destacou os números da premiação nesta edição. “Ao todo, foram 143 trabalhos inscritos, sendo 95 dissertações de mestrado e 48 teses de doutorado, em um universo de mais de 50 instituições de ensino superior. Esses números mostram como o Prêmio Vale-Capes tem repercussão em todo o nosso sistema universitário e tem sido acolhido de maneira calorosa nas áreas de conhecimento relacionadas. Nesse ponto, destaco a relevância dos trabalhos e a rigorosa seleção realizada por consultoria.”

Premiação
Os vencedores do Prêmio Vale-Capes de Ciência e Sustentabilidade de Tese de Doutorado recebem R$ 15 mil e uma bolsa para realização de estágio pós-doutoral de até três anos em instituição nacional, podendo ser convertida em um ano fora do país em uma instituição de notória excelência na área de conhecimento do premiado. Já os ganhadores de Dissertação de Mestrado recebem R$ 10 mil e uma bolsa para realização de doutorado em instituição nacional de até quatro anos.

29092016 premio vale capes img 1571
Foram selecionadas sete teses de doutorado e dissertações de mestrado defendidas no Brasil em 2014 (Foto: Natália Morato - CCS/Capes)

Os orientadores também são prestigiados, recebendo auxílio equivalente a uma participação em congresso nacional e internacional, relacionado à área temática da tese. No caso de mestrado, o orientador recebe R$ 3 mil e o de doutorado, US$ 3 mil.

Segundo Baeta Neves, a premiação é um passo importante na promoção da cooperação entre universidades e setor produtivo. “O Prêmio Capes-Vale revela a necessidade de estreitar a relação do setor acadêmico com o setor empresarial, especialmente com empresas que atuam em áreas estratégicas para o desenvolvimento do país. Assim, a Capes reitera o interesse em fortalecer a parceria com a Vale, conversar com outras empresas e ampliar o quanto possível o apoio a esses institutos de pesquisa”, ressaltou.

29092016 premio vale capes img 1701
A solenidade aconteceu na sede da Capes, em Brasília (Foto: Natália Morato - CCS/Capes)

Para o presidente da Capes, a qualidade dos trabalhos é mostra do potencial da pós-graduação brasileira. “O prêmio destaca a capacidade produtiva dos nossos programas de pós-graduação em áreas sensíveis e estratégicas. Além de expor a certeza de que, se provocada, nossas universidades respondem a altura”, definiu.

Parceria
O Prêmio é fruto da parceria entre a Capes e a Vale S. A., mas como enfatizou Abilio Baeta Neves, a premiação não é a única atividade de cooperação da agência com empresa mineradora. “Temos desde o período de gestão do presidente Jorge Guimarães, aqui presente na condição de diretor-presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii), um acordo de cooperação entre a Capes e o Instituto Tecnológico Vale (ITV) visando a formação de recursos humanos por meio de bolsas e recursos a pesquisadores. Temos a previsão do lançamento de dois editais no âmbito desse programa. A implementação das dez primeiras bolsas de mestrado começou em maio de 2016 e na modalidade pós-doutorado existe a previsão de mais 20 bolsas.”

O gerente executivo de Tecnologia e Inovação da Vale, Luiz Eugenio Araújo de Moraes Mello, ressaltou o trabalho de pesquisa realizado desde 2009 nas sedes do ITV, em Belém e em Ouro Preto. “O Brasil ainda precisa avançar bastante na inovação e na produção de patentes, ainda concentrada no setor acadêmico. Temos orgulho de que a Vale é uma das três empresas que mais registra patentes no país.”

29092016 premio vale capes img 1681
O representante da Vale ressaltou o trabalho de pesquisa realizado no Instituto Tecnológico Vale (ITV) (Foto: Natália Morato - CCS/Capes)

O representante da Vale lembrou a importância do desenvolvimento científico e tecnológico para que a atividade de mineração lide melhor com questões como consumo de agua, energia, a questão da pobreza e a produção de detritos. “Para funcionamento de qualquer mineradora nos próximos 50 anos será definitivo o quão ambientalmente sustentável será sua produção. O primeiro passo nesse caminho é essa produção de pensamento que temos hoje nessas teses e dissertações premiadas”, definiu.

Prêmio Vale-Capes
O Prêmio Vale-Capes de Ciência e Sustentabilidade foi criado inicialmente a partir de parceria firmada durante a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, realizada em 2012. A primeira edição teve cerimônia de entrega em Belém, em 2013; a premiação da segunda edição foi realizada na cidade do Rio de Janeiro, em 2014; e a da terceira edição aconteceu em Brasília, em 2015.

29092016 premio vale capes img 1569
Ao todo, foram 143 trabalhos inscritos, sendo 95 dissertações de mestrado e 48 teses de doutorado (Foto: Natália Morato - CCS/Capes)

O Prêmio tem o objetivo de identificar, divulgar e premiar trabalhos que apresentem ideias inovadoras com potencial para transformação em produto ou processo e também promover o reconhecimento da atividade científica e tecnológica em áreas temáticas que versem sobre o desenvolvimento sustentável e, em especial, sobre tecnologia socioambiental.

Veja a relação de trabalhos premiados:

Área Temática I: Processos eficientes para redução do consumo de água e de energia

Doutorado
Autor: Joe Arnaldo Villena Del Carpio
Orientador: Glicério Trichês
Trabalho: Uso de pigmentos de óxidos de metais mistos na pavimentação para a mitigação da Ilha de Calor Urbana.
Instituição: Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)

Mestrado
Autor: Sandra Maria de Souza Cao
Orientador: Márcia Walquiria de Carvalho Dezotti
Trabalho: Remoção biológica de matéria orgânica e nitrogênio de um efluente industrial em sistema de leito móvel com biofilme de dois estágios
Instituição: Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

Área Temática II: Aproveitamento, reaproveitamento e reciclagem de resíduos e/ou rejeitos

Doutorado
Autor: Marcos Henrique Luciano Silveira
Orientador: Luiz Pereira Ramos
Trabalho: Pré-tratamento de bagaço de cana com CO2 supercrítico na presença de etanol e líquido iônico: pré-otimização das variáveis do processo e avaliação da acessibilidade dos substratos produzidos
Instituição: Universidade Federal do Paraná (UFPR)

Mestrado
Autor: Paulo Leonardo Lima Ribeiro
Orientador: Janice Izabel Druzian
Trabalho: Efeito da glicerina residual do biodiesel e de estirpes microbianas (Cupriavidus Necator IPT 027 e Burkholderia Cepacia IPT 438) na produção, propriedades e composição de copolímeros de polihidroxialcanoatos
Instituição: Universidade Federal da Bahia (UFBA)


Área Temática III - Redução de Gases do Efeito Estufa (GEE)

Doutorado
Autor: Alex Neves Junior
Orientador: Romildo Dias Toledo Filho
Trabalho: Captura de CO2 em Materiais Cimentícios através da Carbonatação Acelerada
Instituição: Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)

Mestrado
Autor: Alfredo Augusto Pereira Xavier
Orientador: Débora Marcondes Bastos Pereira Milori
Trabalho: Avaliação do acúmulo e emissão de carbono do solo sob sistemas produtivos de pastagem
Instituição: Universidade de São Paulo (USP) - Campus São Carlos

Área Temática IV - Tecnologias socioambientais, com ênfase no combate a pobreza

Doutorado
Não houve premiação
Mestrado
Autor: Jeferson Breno Negrão Leite
Orientador: Aldebaro Barreto da Rocha Klautau Junior
Trabalho: Projeto de telefonia celular GSM Baseada em Open Source e Open Hardware para comunidades rurais isoladas e carentes na Região Amazônica: Estudo de Caso em Itabocal – Irituia – Pará
Instituição: Universidade Federal do Pará (UFPA)

(Pedro Arcanjo)

Fim do conteúdo da página